1º Encontro Bicicletas e Meio Ambiente | Bicicletas e Negócios Sustentáveis

1ebma1

Semana passada iniciamos uma Série de Encontros sobre Bicicleta e Sustentabilidade, serão seis encontros até novembro, com apoio do Itaú Unibanco. Era uma noite chuvosa de sexta-feira e a sempre carismática bicicleta atraiu 12 pessoas para a sede da Ciclo Orgânico empresa de compostagem que utiliza triciclos e bicicletas para recolher os resíduos orgânicos nas residências dos assinantes do serviço. Fomos até lá para ouvir e debater sobre como a bicicleta pode ajudar na sustentabilidade das empresas ou como ela pode ser o eixo motriz de todo o negócio, que já nasce mais sustentável.

O idealizador do empreendimento, Lucas Chiabi ofereceu o mezanino da empresa em Botafogo, Zona Sul do Rio de Janeiro para contar sua história, como surgiu a Ciclo Orgânico e como os triciclos são fundamentais para o sucesso da iniciativa. A Ciclo Orgânico é um excelente exemplo de como é possível empregar um transporte ativo para inovar em um serviço que por si só já seria ambientalmente relevante. Mas o Lucas e sua turma levam a sustentabilidade muito a sério e, invertendo a “lógica” que carga precisa de motor para ser transportada, adotaram bicicletas e triciclos como veículos principais para a logística de sua operação diária. E deu super certo! Vários negócios usam a bicicleta em entregas e garantem eficiência com baixo custo, poluição zero e impacto social relevante.

Nos próximos meses vamos abordar outros aspectos e vertentes da relação da bicicleta com o Meio Ambiente. Fique ligado para saber quais serão os temas, quando e onde eles serão organizados.

1ebma3

Pedal Acessível entre Museus

EM11

No último sábado de maio participamos de um evento muito especial: a pedalada do Projeto Entre Museus Acessíveis. Idealizado pelo Museu do Amanhã, que nos convidou para organizar a parte ciclística, o projeto integra o Museu do Amanhã e o Museu da República, proporcionando visitas guiadas e a ligação por bicicleta para pessoas com deficiência visual ou auditiva. No caminho paradas estratégicas para pequenas e interessantes aulas ao ar livre sobre a história do Rio de Janeiro.

EM14

Na primeira rodada tivemos 12 deficientes auditivos e 2 deficientes visuais que foram conduzidos em bicicletas duplas (tandens) por ciclistas especializados. Proporcionar essa experiência foi muito empolgante para todos, sejam condutores ou conduzidos.

EM12

Se você conhece alguém com necessidades especiais indique essa oportunidade que é gratuita e aberta a todos.

Serão 7 eventos até novembro, sempre no último sábado do mês. Programação e inscrições pela página do Museu do Amanhã clicando neste link.
EM13

IX Prêmio Promovendo a Mobilidade por Bicicletas no Brasil | Inscrições abertas!

IXPPMBB

Estão abertas as inscrições para o nona edição do Prêmio Promovendo a Mobilidade por Bicicleta no Brasil! Até agora, foram 8 edições, com 61 Premiações e 48 premiados, sendo 24 da Sociedade Civil,  23 de Empresas e um do Poder Público. Desde 2014, a Transporte Ativo em parceria com o Itaú Unibanco, realizam a atividade que consiste em premiar as melhores iniciativas de promoção ao uso de bicicletas no país, nas categorias, Ação e Educativa & de Conscientização, Levantamento de Dados & Pesquisas e Empreendedorismo.

Este ano a premiação será de 10 mil reais, para os projetos vencedores em cada uma das três categorias, para serem investidos no projeto vencedor ou em novas ideias a serem postas em prática!

Saiba mais e Inscreva seu projeto clicando aqui.

Boas ideias merecem ser reconhecidas e homenageadas!

Conheça os resultados das edições anteriores.
2021  |  2020  |  2019  |  2018   |   2017   |   2016   |   2015   |   2014

Analise do fluxo de ciclistas apoia o Plano Cicloviário do Rio de Janeiro e o Distrito de Baixa Emissão

26522D

Ao longo de 2021, realizamos uma série de contagens no Centro do Rio em parceira com ITDP e Labmob. O objetivo era identificar o volume e fluxo de ciclistas nos principais acessos ao Centro do Rio, ajudando a identificar as rotas mais utilizadas e servindo de base para orientar prioridades para investimentos públicos, otimizando recursos municipais disponíveis.

26522B

A pesquisa foi realizada entre maio e outubro de 2021 em 10 pontos de contagem, definidos em parceira com a CET Rio e SMTR. As contagens seguiram a metodologia de TA para contagens presenciais, considerando além do volume de ciclistas, suas características como gênero, faixa etária, carona, tipo da bicicleta, uso de bicicletas compartilhadas, velocidade média, dentre outros. A riqueza desses detalhes permite um melhor planejamento, seguindo a máxima Conhecer para Planejar.

26522a

Os resultados reforçam a importância de se planejar para bicicletas na região e auxiliam na compreensão do uso destas na região, para auxiliar no desenvolvimento do plano cicloviário carioca, em elaboração pela Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio de Janeiro (CET-Rio) e pela Secretaria Municipal de Transportes (SMTR), com o objetivo garantir qualidade e segurança na circulação de bicicletas em todas as regiões da cidade.

26522C

Este melhor conhecimento e planejamento de rotas cicloviárias no Centro do Rio, vai ao encontro da implementação do Distrito de Baixa Emissão de Carbono, que prevê a inclusão dos 33 quilômetros de rotas cicláveis (Ciclo Rotas Centro) na região central para reduzir drasticamente as emissões de gases de efeito estufa e demais poluentes do ar na região, além de fornecer opções sustentáveis de acesso às atividades locais. O Distrito de Baixa Emissão é um projeto coordenado pelo Escritório de Planejamento – SMFP, com o qual temos outras parcerias visando este importante passo que o Centro do Rio de Janeiro dá a um futuro mais resiliente e sustentável.

26522e

Para conhecer os resultados da Pesquisa | Contagem de Ciclistas nos Principais Acessos ao Centro do Rio de Janeiro, clique aqui!.

 

Vai Longe 2ª Edição | Resultados

2VLPAP

O Programa de Aceleração Vai Longe da Tembici já tem o resultado dos projetos selecionados que, de acordo com as necessidades apresentadas, dividirão os R$100.000,00 (cem mil reais) do edital, para implementações e execuções, até o final deste ano.

Ao todo, foram inscritos 50 projetos, a etapa de avaliação contou com a análise de um comitê de especialistas da Tembici e da Transporte Ativo, que selecionaram 12 finalistas para uma análise mais ampla.

Agradecemos a todos os participantes desta 2ª Edição do Vai Longe, que compartilham com a gente este propósito de inspirar uma revolução global de mobilidade, por mais pessoas em mais bicicletas mais vezes. 🙂

Conheça as organizações selecionadas e suas categorias:

Bike Cargueiras – Estruturação da reciclagem de Brasília

Categoria: Promoção ao uso de bicicletas.
Ana Carolina Caetano Matias / Brasília
Voltado para catadores ciclistas, o projeto visa a aquisição de novas bicicletas cargueiras e a reforma daquelas com condições de restauro, promovendo maior dignidade, conforto e segurança aos catadores que realizam a reciclagem sobre 2 rodas.

EBA! Aprendendo a Pedalar

Websérie – “Como Adotar a Bicicleta na sua rotina”

Categoria: Promoção ao uso de bicicletas.
Willian Cruz / São Paulo
Atuando em barreiras que impedem as pessoas de adotarem a bicicleta como meio de deslocamento, em seus episódios a websérie promoverá o uso da bicicleta como meio de transporte, contribuindo no processo de humanização das cidades.

Pedalzito